LEIA ANTES DE ACESSAR O CONTEÚDO

Este blog tinha como objetivo, apenas de ser um complemento para alunos do ensino médio, no que refere as Ciência Humanas AGORA também estaremos postando aulas com assuntos das Ciências Natureza (Biologia, Química e Física).


18/03/2013

CARTOGRAFIA:Escala e Curva de Nível


Fala galera! Tudo bem!! Na aula de hoje vamos falar sobre curvas de nível. A importância de estudá-las é devido esse tipo de aplicação cartográfica está presente nas principais bancas de vestibulres do país, e principalmente no ENEM, visto que a menor ou maior declividade  do relevo de uma área qualuer torna os solos mais ou menos suscetíveis à erosão ou a escorregamentos, faclita ou dificulta a construção de cidades, rodovias, ferrovias ou oleodutos, favorece ou não a instalação de fábricas ou a mecanização agrícola. Com você pode perceber, a topografia interfere na ocupação do espaço geográfico.     

 Objetivos da Aula:
- Apresentar as principais caracteri´sticas a ser analisadas no estudo de uma carta ou mapa topográfico;
- Demonstrar que as curavas de níveis (linhas isoípsas) nos permitem ter uma visão tridimensional do relevo de uma área representada num mapa ou carta topográfica;
- Compreender que as linhas utilizadas na representação do relevo num mapa topográfico, quando representadas muito próximas indicam áreas íngremes e quando são representadas muito distantes indicam áreas planas;
- Comprender e difrenciar o que é um perfil topográfico de uma carta topográfica; 

NOÇÕES PRELIMINARES:

As curvas de nível são chamadas de isoípsas e unem pontos de mesma altitude de relevo. Traçadas na carta, permitem a visualização da declividade (inclinação) do relevo. Esse conceito apareceu na Holanda, no século XVIII e foi usado para cartografar o fundo do rio Merwede, sendo um sistema matemático baseado em levantamentos geodésicos, no qual o marco zero metro é o mar.

Quanto maior a declividade, mais próximas as curvas de nível aparecem representadas; quanto menor a declividade, maior o afastamento entre elas. 

As curvas de nível correspondem à interseção entre o terrreno e um conjunto de planos horizontais imaginários, separados por altitudes iguais
 
As curvas de nível  apresentam as seguintes características:
● Representam tanto a altitude quanto a forma de relevo.
● Quando existem grandes diferenças de altitudes em pequenos espaços, as linhas apresentam-se muito próximas umas das outras; quando o relevo é suave, as diferenças são menores e as linhas apresentam-se mais distanciadas.
● De acordo com a variação da altitude, a equidistância das curvas pode ser de 10, 20, 50 ou 100 metros.
ENTÃO VAMOS LÁ!!!

A curva de nível é uma maneira de se representar graficamente as irregularidades, ou o relevo, de um terreno. São linhas que, num mapa, unem pontos de mesma altitude. A curva de nível constitui uma linha imaginária no terreno, em que todos os pontos da referida linha têm a mesma altitude, acima ou abaixo de uma determinada superfície de referência, geralmente o nível médio do mar. 

Veja as as Carta Topográficas abaixo:



Veja que a partir de sua leitura correta pode-se chegar a uma imagem tridimencional de um terreno seja ele declive ou aclive. É por isso que esse tipo de representação catográfica é por excelência, um dos melhores métodos para representar o relevo terrestre. Pois, permite ao observador, ter um valor aproximado da altitude em qualquer parte da carta. Devido a isso, com as curvas de nível são construídos os mapas topográficos e sua correta representação e a capacidade de as interpretar, permite ter uma visão tridimensional do relevo. Sendo assim, as curvas de nível são uma forma inteligente de transformar uma representação bidimensional em tridimensional.
IMPORTANTE: Uma curva de nível refere se a curvas altimétricas ou linhas isoípsas, linhas que ligam pontos de mesma altitude. Essa é a mais eficiente maneira de representar as irregularidades da superfície terrestre (relevo).
 Para uma completa interpretação, alguns conceitos devem ficar bem claros.


• Ponto Cotado – é a projeção de um ponto do terreno no plano da carta com a sua indicação de altitude.

• Equidistância Vertical – é a separação vertical entre as linhas representadas pelas curvas de nível.
• Curvas Mestras – são as curvas de níveis mais grossas e numeradas que ocorrem nas representações, geralmente de 5 em 5 curvas.







Características Básicas das Curvas de Nível

• Quanto maior a inclinação do terreno, mais próximas umas das outras estarão as curvas;
• O espaçamento entre as curvas é constante nas encostas de inclinação uniforme;
• As curvas de nível são perpendiculares a linha de inclinação do terreno;
• As curvas de nível nunca se cruzam nem se juntam com as vizinhas, exceto em superfícies verticais.





LEMBRANDO:
Fique atento ao observar o formato do terreno no mapa topográfico, pois podem aparecer elevações e depressões. Elevação é quando as curvas de nível de menor valor envolvem as de maior valor, e depressão é observada quando as curvas de valor maior envolvem as curvas de valor menor.









EXERCÍCIOS DE AULA: 


01 Questão: (UPE) A professora de Geografia de uma turma do terceiro ano do Ensino Médio entregou aos alunos o mapa esquemático reproduzido a seguir e perguntou-lhes o que ele estava representando. Das respostas obtidas, a CORRETA afirma que são curvas


a) de gradiente de pressão entre A e B.
b) batimétricas de uma ilha fluvial.
c) de nível.
d) isotérmicas das áreas insulares A e B.
e) do tipo isóbaras.

Resposta: Letra C

Comentários 
Curvas de Nível são linhas que unem pontos de mesma altitude. A questão mostra duas áreas montanhosas próximas ao litoral. 

Você ao responder uma questão desse tipo deverá observar bem que após
os valores encontramos a letra m que simboliza metros, o que por si só já
eliminaria as alternativas sobre pressão atmosférica (letra A e E) e a alternativa sobre temperatura (letra D).
 

A Letra B versa sobre curvas batimétricas que são curvas que unem pontos de mesma profundidade com equidistâncias verticais. O relevo em destaque não está dentro do mar, mas sim próximo ao litoral e é CONTINENTAL.

02 Questão:.(Ufpr) Com base na carta esquemática a seguir, pode-se afirmar que:

 
01)  A ocupação humana ocorre na porção mais baixa da região.
02)  Caso ocorra vento de NO, o povoado ficará abrigado por estar situado na encosta do morro Azul.
04)  De acordo com as coordenadas geográficas representadas na carta, a região localiza-se no hemisfério austral.
08)  Tanto o povoado como a área de plantação de arroz estão localizados na margem direita do rio Verde.
16)  O relevo representado a oeste do rio Verde é mais acidentado que o da porção leste.


03 Questão:(FRB) Sobre a cartografia e a sua importância na atualidade, é correto afirmar:

a) A Terra, devido ao seu formato, pode ser representada em folha de papel (mapa) sem apresentar distorções.
b) A curva de nível constitui uma linha imaginária do terreno, em que todos os pontos de referida linha têm a mesma altitude.
c) Os meridianos são círculos máximos que, em conseqüência, cortam a Terra em duas partes iguais de pólo a pólo, sendo o Equador seu ponto de origem.
d) A projeção de Mercator, a mais utilizada, é aquela que contempla os países de uma forma mais aproximada da realidade.
e) A projeção de Peters, entrou em desuso, porque, entre todas as projeções, é a que apresenta mais distorções nas áreas representadas.

04 Questão: (UNIOESTE) As coordenadas geográficas são definidas como um conjunto de linhas imaginárias criadas para determinar, com exatidão, qualquer ponto da superfície terrestre. Sobre o assunto, assinale a alternativa INCORRETA:

a) Os meridianos são linhas imaginárias que dão a volta na Terra de pólo a pólo.
b) Curvas de nível são linhas imaginárias projetadas para unir os pontos de igual latitude.
c) O Equador é considerado o paralelo zero e a distância em graus que vai do Equador aos pólos é chamada de latitude, portanto, a latitude só pode ser norte ou sul.
d) O Equador divide o globo em hemisfério norte, setentrional ou boreal e hemisfério sul, meridional ou austral.
e) A latitude varia de 00 a 90º tanto para norte como para sul, a partir do Equador.

05 Questão:(UFG) Observe as figuras a seguir.



 As figuras acima apresentam dois tipos de representação do relevo. A análise dessa representação orienta o uso e a ocupação do espaço. Tendo-as como referência,

a) identifique o tipo de representação do relevo utilizado em cada uma das figuras;

 b) identifique, entre as áreas A, B e C destacadas nas figuras, a área propícia à realização da agricultura mecanizada e explique por que essa área é a mais adequada para essa atividade e como esse aspecto pode ser observado nas figuras apresentadas.

Resposta:

a)

Figura 1 – Carta Topográfica
Figura 2 – Perfil Topográfico

b)

A área propícia à realização da agricultura mecanizada é a área C, pois o relevo é mais plano que as demais. Este aspecto é observado mediante a maior distância entre as curvas de nível (carta topográfica) e a menor declividade (perfil topográfico) A menor declividade da área C facilita o deslocamento e o manejo das máquinas agrícolas.


06 Questão: (UFAL) Observe atentamente a figura a seguir. Trata-se de um esboço de curvas de nível.


Assinale qual a forma de relevo que mais se aproxima do que está representado pelas curvas de nível no trecho XY.

a)




b)



c)



d)



e)




07 Questão: (UFPE-PE) Observe o gráfico a seguir e assinale o item que indica uma falha de representação.
a) As curvas de nível apresentam eqüidistância de 20 m.
b) A aproximação das curvas de nível indica maior declividade do terreno.
c) A curva de 200 m representa o ponto mais elevado do relevo.
d) Cada curva de nível é formada por pontos de idêntica cota altimétrica.
e) A partir de um conjunto de curvas de nível, pode-se obter um perfil topográfico.
Resposta: C.
Observe que, pela representação do morro, o ponto mais alto ultrapassa a linha de 200 metros. 


08 Questão:(UFMA) Com base na figura abaixo, identifique as feições topográficas orientadas pelas direções cardeais e colaterais.

a) Terreno íngreme ao nordeste e aplainados a oeste e a leste.
b) Terreno aplainado ao noroeste e íngreme ao sudoeste e leste.
c) Terreno íngreme ao oeste e leste e aplainado ao norte.
d) Terreno aplainado ao norte e íngreme ao noroeste e sudeste
e) Terreno íngreme ao sudeste e sudoeste e aplainado ao nordeste

09 Questão:(UFLA) Assinale a alternativa que apresenta a interpretação CORRETA do mapa abaixo.

a) A região de maior altitude do mapa localiza-se no quadrante C1.
b) Os quadrantes A1 e B4 possuem terrenos de elevada declividade.
c) O quadrante D2 possui maior altitude, ao ser comparado com o quadrante B3.
d) O quadrante C3 pode ser caracterizado como um vale.

10 Questão:(UNICAMP simulado 2011)  A representação abaixo corresponde a uma porção de uma carta topográfica com desnível entre as curvas de nível de 20 metros. Indique o sentido em que o rio corre e a margem de menor declividade:

a) nordeste e margem esquerda. 
b) sudoeste e margem direita. 
c) sudoeste e margem esquerda. 
d) nordeste e margem direita. 

10 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...